A LITERATURA INFANTIL COMO COADJUVANTE NA CONSTRUÇÃO DO ENSINO-APRENDIZAGEM

Daiane de Liz

Resumo


Vivemos em uma era tecnológica e isso fez com que os estudantes deixassem os livros de lado, muitas vezes preferem mandar mensagens, usar redes sociais, navegar na internet do que ler obras literárias. Como a Literatura Infantil pode auxiliar no contexto do ensino-aprendizagem em sala de aula? Qual a sua importância no ensino fundamental? Como os professores abordam essa temática? Contemporaneamente a leitura na vida do indivíduo é indispensável, pois, tudo a sua volta exige este hábito, é necessário que o aluno saiba ler, de uma maneira mais abrangente, contribuindo para o mundo em que vive e se tornando parte de uma gama de cidadãos conscientes e que sabem fazer uma leitura mais profunda da sua realidade. Desse modo, a escola pode inicialmente se apropriar da literatura infantil e fazer dela uma forte aliada para que se construa a aprendizagem efetivamente. Trabalhar Literatura Infantil na escola deve ser algo prazeroso, nesse sentido a premissa de que os educadores devem estar em acordo com o que a Literatura quer expressar. Muitas instituições escolares ainda não perceberam a importância da Literatura Infantil, no crescimento cognitivo e emocional da criança. Sob a visão de trabalhar a Literatura Infantil como pretexto para repassar conhecimentos acerca de outras disciplinas. Assim, torna-se essencial que os educadores vejam a Literatura Infantil como foco principal, não como mero coadjuvante. O decorrente estudo trata-se de uma pesquisa qualitativa com o cunho de levantamento bibliográfico, na qual se dá ênfase ao estudo de qualquer tema, os quais podem ser embasados em diferentes conceitos de mais renomados autores. Busca-se através do levantamento bibliográfico elencar teorias acerca da importância da Literatura Infantil dentro dos muros escolares e de que forma esta pode contribuir para a construção do ensino-aprendizagem. Embora o projeto ainda esteja em andamento, podemos observar, de acordo com os referenciais teóricos, que entender a leitura como processo educativo e notório é sem dúvida eficaz, porque a leitura não pode em hipótese alguma servir para a hora em que sobrou um tempo dentro do planejamento, ela tem que ser mais, precisa estar presente com íntegra nos planejamentos pedagógicos. Quando o professor trabalha com a leitura ele incentiva desde cedo, a apreciação das crianças em sentar e ouvir histórias, tendo o professor como incentivador. Pode-se frisar que a literatura infantil conduz a criança à descoberta do mundo, onde tudo pode ser valorizado, onde sonho e realidade se confundem, onde a realidade e a fantasia se fazem intrinsecamente ligadas, fazendo com que a criança possa sair da realidade descobrindo um mundo encantador.

Palavras-chave


Literatura Infantil; Ensino; Aprendizagem



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC