A ATUAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL NO SERVIÇO DE VIGILÂNCIA SOCIOASSISTENCIAL NO MUNICÍPIO DE LAGES – SC

Liliane Felippi Capistrano, Mirian Meull Demeneck Baggio, Audrilara Arruda Rodrigues Campos

Resumo


Introdução: Este relato é oriundo da experiência decorrente do estágio curricular obrigatório realizado no Serviço de Vigilância Socioassistencial, efetivado no período de março de 2017 a outubro de 2017, no município de Lages, SC. Trata-se de um serviço de apoio e orientação para as equipes da Rede Socioassistencial, além do levantamento de dados e informações para o planejamento de estratégias no enfrentamento das desigualdades e vulnerabilidades sociais.

Objetivo: Conhecer a atuação do Assistente Social no Serviço de Vigilância Socioassistencial do município de Lages/SC.

Método de Intervenção: O município vem apresentando um grande avanço com relação às Políticas Públicas voltadas à área da Assistência Social. Os serviços socioassistenciais vêm sendo ampliados ou reordenados na expectativa de realizar adequações e consequentemente oferecer mais qualidade nos atendimentos às diversas situações existentes de vulnerabilidade social ou violações de direitos. Portanto, esse serviço está implantado no município de Lages, desde o ano de 2013, com o objetivo de apoiar, orientar, informar as equipes da Rede Socioassistencial, além da busca por dados e informações sobre a realidade das questões sociais. O assistente Social é um profissional que dispõe de uma visão crítica e investigativa, tendo respaldo teórico-metodológico, técnico-operativo e ético político, através do materialismo histórico dialético e trabalha com expressão social, em sua totalidade e sua diversidade. Desta forma, o profissional de Serviço Social busca dados e informações, através dos Relatórios Mensais de Atendimentos (RMA) da Rede Socioassistencial, para posteriormente compilar as informações para as devidas orientações, apoios, planejamentos e articulações com a rede de serviços Socioassistenciais.

Considerações: Tendo em vista o período de estágio e pesquisas realizadas no serviço de Vigilância Socioassistencial, pode –se afirmar que esse serviço é de suma importância para o desenvolvimento das Políticas Públicas, pois esse irá monitorar, avaliar, orientar e apoiar o trabalho realizado pelas equipes Socioassistenciais para o enfrentamento das vulnerabilidades sociais existentes em cada território do município, trabalhando com a diversidade, totalidade e a realidade de cada demanda da questão social.

Palavras-chave


Vigilância Socioassistencial; Rede Socioassistencial; Serviço Social.



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC