Efeito da época de desfolha da videira Sauvignon Blanc no índice de fertilidade de gemas em região de elevada altitude de Santa Catarina

Lucas Comachio, Douglas André Wurz, Maytê Cechetto, Marcus Outemane, Betina Pereira de Bem, Ricardo Allebrandt, Bruno Bonin, Alberto Fontanella Brighenti, Leo Rufato

Resumo


A região de elevada altitude de Santa Catarina destaca-se pela produção de uvas viníferas, no entanto, verifica-se nessa região elevado crescimento vegetativo devido ao elevado teor de matéria orgânica do solo associado a elevada disponibilidade hídrica, que resulta em uma diminuição da fertilidade de gemas e consequentemente redução da produtividade. Portanto é necessário buscar alternativas de manejo da videira que propiciem um aumento da fertilidade de gemas, e consequentemente uma maior produtividade dos vinhedos. Nesse contexto, tem-se como objetivo deste trabalho verificar a influência da época de desfolha da videira Sauvignon Blanc no índice de fertilidade e produtividade. O presente estudo foi realizado nas safras 2015 e 2016, em um vinhedo comercial de Sauvignon Blanc, (coordenadas 28º 17' 39" S e 49º 55' 56" O, a 1.230m de altitude), situado no munícipio de São Joaquim – Santa Catarina Os tratamentos consistiram na realização da desfolha manual, expondo a região dos cachos em cinco diferentes estágios fenológicos: plena florada, baga chumbinho, baga ervilha, virada de cor, 15 dias após a virada de cor e plantas sem desfolha (testemunha). A produtividade estimada (t ha-1) foi obtida através da multiplicação da produção por planta pela densidade de plantio (2222 plantas ha-1). O índice de fertilidade foi obtido pela relação entre o número de cachos por planta e número de ramos por plantas, determinados no momento da colheita. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com quatro blocos e cinco plantas por blocos. As variáveis foram submetidos à análise de variância (ANOVA) e quando detectadas efeitos de tratamento, procedeu-se o Teste Scott Knott a 5% de probabilidade de erro. Verificou-se que a desfolha da videira, realizada nos estádios fenológicos plena florada, grão chumbinho, grão ervilha e virada de cor resultaram em incremento do índice de fertilidade na safra 2016, sendo esta consequência pela maior intensidade luminosa das gemas durante a safra 2015, pois a retirada das folhas na região dos cachos expões as gemas a radiação solar, e consequentemente observa-se efeito direto na fertilidade de gemas. Com relação a produtividade, observou-se que a desfolha realizada nos estádios fenológicos grão ervilha e virada de cor resultaram em incremento da produtividade, enquanto as menores produtividades foram observadas quando a desfolha foi realizada no estádio fenológico plena florada. O manejo da desfolha da videira é uma alternativa de manejo para aumentar a fertilidade de gemas e a produtividade da videira Sauvignon Blanc cultivada em regiões de elevada altitude.

Palavras-chave


Vitis vinífera L.; desfolha precoce; poda verde; manejo do vinhedo; vinhos de altitude



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC