Aplicação de ácido naftaleno acético (ANA) e etefom (Ethrel®) melhora a maturação da uva Cabernet Sauvignon em região de elevada altitude

Bruno Bonin, Douglas André Wurz, Betina Pereira de Bem, Ricardo Allebrandt, Alberto Fontanella Brighenti, Leo Rufato

Resumo


As regiões de elevada altitude do estado de Santa Catarina têm se mostrado favoráveis à produção de vinhos finos, porém ainda necessitam de informações técnicas adequadas para a microrregião, que possui características distintas das demais regiões produtoras. Dentre as diferenças, um entrave encontrado é o excesso de vigor, sendo um fator que pode afetar negativamente no ciclo vegetativo e reprodutivo da videira. A utilização de reguladores de crescimento surgem como uma alternativa viável, com objetivo de minimizar os problemas de maturação causados por situações climáticas adversas. Nesse contexto tem-se como objetivo deste trabalho verificar o efeito da aplicação de ácido naftaleno acético (ANA) e etefom (Ethrel®), na maturação da videira Cabernet Sauvignon cultivada em São Joaquim-SC. O estudo foi realizado na safra 2015 em um vinhedo comercial da cultivar Cabernet Sauvignon. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com quatro repetições. Os tratamentos consistiram na aplicação dos reguladores de crescimento ácido naftaleno acético (ANA) e etefom (Ethrel®), sendo os tratamentos: 1. Controle; 2. 300 mg.L-1 Ethrel® aplicado no grão ervilha; 3. 300 mg.L-1 Ethrel® aplicado no grão ervilha e 10 dias após o grão ervilha; 4. 300 mg.L-1 Ethrel® aplicado no grão ervilha + 10 dias após grão ervilha + 20 dias após grão ervilha; 5. 5 mg.L-1 ANA aplicado no grão ervilha; 6. 5 mg.L-1 ANA aplicado no grão ervilha + 10 dias após grão ervilha. Foi avaliado a maturação tecnológica das bagas: sólidos solúveis, acidez total titulável e pH. As aplicações de 300 mg.L-1 Ethrel® no grão ervilha, 300 mg.L-1 Ethrel® no grão ervilha + 10 dias após grão ervilha + 20 dias após grão ervilha e a aplicação de 5 mg.L-1 ANA promoveram aumento do conteúdo de sólidos solúveis da uva, não alterando a acidez total titulável e o pH. Portanto, a aplicação de (ANA) e etefon (Ethrel®) tem efeitos positivos na maturação da videira Cabernet Sauvignon cultivada em região de elevada altitude de Santa Catarina, promovendo incremento do conteúdo de sólidos solúveis da videira Cabernet Sauvignon.

Palavras-chave


Vitis vinífera L.; reguladores de crescimento; maturação tecnológica; vinhos de altitude.



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC