A MÚSICA E SEUS BENEFÍCIOS

Aline Dallazem, Eula Paula Diel Gröbe dos Santos, Thaianna de Menezes, Marcos Genrrik Mattoso, Ronni William Pereira

Resumo


O presente resumo visa relatar as experiências do estágio curricular obrigatório, do 5º semestre do Curso de Licenciatura em Música, em que o grupo atuou em uma turma de 3º ano, em escola da rede municipal de Lages. Durante esse período foram desenvolvidas atividades objetivando a musicalização dos alunos. Estes possuíram aula de música no ano anterior, mas em 2016, o professor regente tinha sua habilitação em artes visuais. A turma onde o estágio ocorreu possuía 25 alunos, na faixa etária de 8 a 9 anos. Havia na turma uma criança com necessidades educacionais especiais e a mesma estava acompanhada do segundo professor. O objetivo geral do projeto visou desenvolver a prática de musicalização infantil contribuindo para a formação integral dos alunos. Os objetivos específicos do trabalho vislumbravam inserir conceitos e propriedades da música: timbre, altura, intensidade, duração; desenvolver prática de canto e percussão corporal; desenvolver a criatividade, expressividade e corporeidade; estimular a prática coletiva; contribuir para a construção de significado de mundo, cidadania, respeito e vida e propiciar ambiente lúdico de educação, estimulando o sentimento de pertencimento e identidade. Desta forma os conteúdos abortados foram divididos em três eixos: Contexto (Conceito de som e música. Propriedades do som: Timbre, altura, duração e intensidade); Apreciação (Canto, Instrumental) e Produção (Percussão: corporal e materiais alternativos. Canto: cirandas. Composição). Estes conteúdos foram realizados em seis intervenções, visando o desenvolvimento integral dos alunos através das atividades propostas. No início de cada intervenção o grupo procurava recapitular os assuntos abordados nas mesmas, para certificar um aprendizado afetivo dos educandos através das práticas realizadas. Podemos afirmar que a evolução do grupo e da turma seguiu de forma paralela e com muito êxito. As atividades atingiram os objetivos propostos, o conhecimento foi construído de forma orgânica. Os alunos participaram efetivamente das atividades, e a turma como um todo melhorou o relacionamento interpessoal e a postura disciplinar em sala. A maior conquista do grupo foi conseguir a participação da aluna especial em todas as aulas que a mesma estava presente, surpreendendo o grupo em relação a inter-relação dela com os colegas e principalmente das habilidades que a mesma possui, tendo facilidade na execução de todas as atividades que foram ministradas. Para atingir os objetivos propostos utilizamos como embasamento, autores que tratam sobre a Educação Musical na escola, tais como COSTTA, Silvio (2012), SILVA, Rose de Fátima Pinheiro Aguiar (2011), BASTIAN, Hans Gunter (2009) e SEKEFF, Maria de Lourdes. (2007).

Palavras-chave


Estágio, Educação Musical, Musicalização.



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC