O PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LÍNGUA INGLESA NO ENSINO REGULAR

Catiuce da Silva Camargo, Mikael Avner da Costa, Carlos Eduardo Canani

Resumo


O presente estudo aborda o processo de aquisição da língua inglesa dos alunos no ensino regular, sendo estabelecido o objetivo de conhecer e delimitar possíveis impedimentos do sujeito na aprendizagem, tendo em vista a análise das estratégias de ensino em sala de aula e a contextualização do mesmo com a realidade do aluno. Nesse contexto, pesquisar acerca do pensamento dos elementos do âmbito escolar básico em relação à língua inglesa, torna-se importante para o avanço das práticas docentes, uma vez que a pesquisa traz a proposta de estudar e aprofundar, especificamente, a efetividade do processo de aquisição de uma segunda língua (L2). Para tanto, foi desenvolvida uma pesquisa de caráter exploratório por meio de um estudo de caso. Por sua vez, o instrumento de coleta de dados utilizado foi um questionário composto por perguntas fechadas e abertas, sendo sujeitos da pesquisa 22 alunos do 8º ano do ensino fundamental de uma escola pública estadual de Lages – SC. Para a realização do diagnóstico foi adotada uma abordagem qualiquantitativa, a partir da técnica de análise de dados obtidos, com a composição de gráficos baseados nos questionários. Os significados desses dados foram discutidos por meio de uma revisão bibliográfica que se fundamentou na leitura de autores de referência na área, tais como Hill e Lewis (1992), Krashen (1982), Nunan (1999), Richards e Rodgers (2001) e Brown (2007). Por fim, os resultados da pesquisa permitiram concluir que o ensino regular segue uma abordagem tradicional, impedindo que a aquisição da segunda língua ocorra efetivamente, pois a competência comunicativa, muitas vezes, não é trabalhada e o ensino da língua inglesa deveria ser mais focado na comunicação, afinal este é o motivo pelo qual as línguas existem. Doravante, sugere-se que o seu ensino não se baseie em uma única abordagem, mas que possa beneficiar-se dos pensamentos que todas trazem, ajustando-se ao modo de aprender de cada aluno, para então estabelecer técnicas efetivas, sem perder a veia conceitual do modo de ensinar.

Palavras-chave


Aquisição da segunda língua, Estratégias de ensino, Língua inglesa.



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC