O ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL NO MUNICÍPIO DE LAGES

Alessandra Marques

Resumo


Artes Visuais são todas as manifestações artísticas que tem a visão como a principal forma de compreensão. Envolve tudo que está relacionado com a estética e a criatividade do ser humano. São linguagens, portanto, uma das formas mais importantes de expressão e comunicação humana, o que, por si só explica sua presença e importância na educação. Esse trabalho pretende refletir sobre o ensino das Artes Visuais na dimensão específica da Educação Infantil. Uma das principais atribuições dessa disciplina é a possibilidade que a criança tem de ampliar seu conhecimento, suas habilidades e a descobertas comuns nesta fase de vida. Através da arte a criança expressa seus sentimentos, e expande sua relação com o mundo de forma espontânea. Dessa maneira ela apropria-se de diversas linguagens, adquirindo uma sensibilidade para criar formas, cores, imagens, gestos, fala, sons e outras expressões importantes para o desenvolvimento cognitivo e emocional. Essa pesquisa tem como objetivo constatar o desenvolvimento metodológico da disciplina de Artes nos Centros de Educação Infantil do município de Lages, tendo em vista a recente mudança, onde a Arte deixou de ser trabalhada como projeto e passou a constituir-se como componente curricular na Educação infantil. Para tanto, foram estabelecidas carga horária e ementa curricular específica. O perfil do professor ministrante dessa disciplina também constitui-se como objeto de estudo, no intuito de conhecer principalmente o nível de escolaridade e a predominância de profissionais com formação específica na área. A metodologia adotada para o desenvolvimento dessa pesquisa partiu das leituras de bibliografias que tratam do tema, e dão embasamento para as práticas pedagógicas constituídas nas salas de aula do Pré Escolar I e II. Autores como a arte educadora Ana Mãe Barbosa (1993), Stela Barbieri (2002) e Paulo Tarso Sans (2008), contribuíram com suas postulações teóricas. Nos aplicamos a conhecer mais profundamente o Projeto “Conhecer a excelência na busca do saber” (2000), documento que norteia a educação municipal de Lages e o Referencial Curricular para a Educação Infantil(1998), documento que norteia o ensino de artes. Na sequência foram realizadas algumas entrevistas com educadores responsáveis pela organização curricular da Educação Infantil, mantida pela Secretaria Municipal de Lages, para conhecermos o perfil dos professores de Arte e as formas de composição da carga horária, nível formação, percentual de licenciados em Arte e professores que ainda estão cursando a graduação. Após essa etapa, ficou evidente o papel fundamental exercido pela disciplina de Arte Educação na formação integral do aluno na Educação Infantil. Esse espaço precisa constituir-se como um espaço de cultura, que possibilite a ampliação das expressões e das linguagens da criança. Para tanto, faz-se necessário um conjunto estrutural que envolve a organização dos espaços de produção do saber, como as salas de aula, a organização curricular, seleção de atividades e a formação adequada e contínua dos seus profissionais, promovendo a reflexão no seu fazer pedagógico, e o conhecimento das mais recentes propostas educacionais no campo das artes.

Palavras-chave


Artes visuais; professor; Educação Infantil; metodologias.



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC