FORMAÇÃO DE PROFESSORES: O CURRÍCULO OCULTO NO ENSINO DA MATEMÁTICA

Rodrigo Branco, Lúcia Ceccato de Lima

Resumo


A pesquisa trata da formação inicial de professores de matemática. Objetiva compreender as atitudes tomadas pelos professores diante de situações atípicas do currículo oculto no processo ensino aprendizagem. Como objetivos específicos investigar ações tomadas por impulso por docentes diante de situações inesperadas discutindo as estratégias de ensino adotada pelos professores de Matemática frente as subjetividades. Para a realização da pesquisa há necessidade de fazer um estudo com professores atuantes no ensino superior e na educação básica, indagando sobre a importância do currículo oculto diante situações atípicas decorrentes da prática em sala de aula. Para atingir os objetivos realizada uma pesquisa qualitativa tendo como sustentação teórica os autores Sacristán (2000), Silva (2001), Apple (2006), esses e outros que conceituam currículo oculto em suas obras. Tendo como instrumento de pesquisa indicado, entrevistas, numa abordagem qualitativa. Após a coleta dos dados há necessidade da análise dos mesmos a luz dos referenciais estudados, discussão das estratégias, podendo assim apontar a respeito da importância do currículo oculto na formação inicial dos professores. Tendo como expectativa contribuir com a prática dos futuros professores de matemática. Podendo estimular discussões sobre a importância do currículo oculto no ensino da Matemática, por meio dos debates criados em torno dos dados obtidos e os procedimentos utilizados para administrar questões subjetivas do ensino da Matemática destacando a importância do currículo oculto na aprendizagem dos discentes. Pretende-se nesta pesquisa colher dados do uso de recursos pedagógicos no ensino da disciplina da Matemática, bem como ver o papel formativo que relaciona essa disciplina baseado nas técnicas que favorecem o desenvolvimento lógico e operacional frente aos conceitos matemáticos. E por fim, ressaltar a influência que o currículo oculto pode ter no aprendizado do aluno, destacando a importância de investir mais na formação inicial de professores, problematizando não apenas o currículo, mas a própria prática docente.

Palavras-chave


Formação Inicial. Ensino de Matemática. Currículo Oculto.



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC