RELATO DE EXPERIÊNCIA DE CAMPO DE ESTÁGIO

Karoline Gonçalves, Arnete Trein

Resumo


O presente relado refere-se à experiência de campo de estágio, através da disciplina de Estágio Supervisionado II da 6º de Serviço Social na Universidade do Planalto Catarinense - UNIPLAC. Trazendo vivências do nosso campo de estágio, nesse caso em específico o Centro de Referência em Assistência Social-CRAS de Pinhal da Serra – RS. O CRAS atua como a principal porta de entrada do Sistema Único de Assistência Social – SUAS e é responsável pela organização e oferta de serviços da Proteção Social Básica nas áreas de vulnerabilidade e risco social. A Instituição gere o Plantão Social de benefícios eventuais que são trazidos na LOAS Art. 22 e regulamentados pela resolução 001/2013 do Conselho Municipal de Assistência Social e a Gestão do programa Bolsa Família, que inclui cadastramento das famílias de acordo com critérios e indicadores sócio-econômicos e culturais. Realiza atualização das informações no Cadúnico, articulando com a rede – Educação e Saúde, palestras e reuniões informativas sobre o programa e fiscalização das informações prestadas no Cadúnico. É executado no CRAS o Programa de Atenção Integral à Família - PAIF, que segundo a Tipificação Nacional dos Serviços Sócio Assistenciais (BRASIL, 2009) consiste no trabalho social, de caráter continuado, que visa a fortalecer a função de proteção das famílias, prevenindo a ruptura de laços, promovendo o acesso e usufruto de direitos e contribuindo para a qualidade de vida dos usuários do CRAS. Dentro do PAIF encontram-se outros programas como: Projeto Bolsa Cidadã, Projeto Jovem Cidadão, Projeto Pais em Ação, Oficinas de Geração de Emprego e Renda, Projeto Amor e Cia, entre outros. A equipe responsável pelo atendimento no CRAS é formada por: um assistente social, um psicólogo, um coordenador, três auxiliares administrativos, um auxiliar de serviços gerais, um motorista e dois estagiários do ensino médio, todos com carga horária de 40 horas semanais, exceto os estagiários.Nesse sentido, o estágio nos possibilita maior aproximação com os instrumentos de trabalho e a realidade vivida na atuação do Assistente Social, onde devemos saber articular teoria e prática. As experiências vividas são de grande valia para a nossa formação. Sobre o estágio dentro do CRAS de Pinhal da Serra – RS, almejo ampliar meus conhecimentos enquanto acadêmica e futura profissional e também contribuir na instituição para a efetivação dos direitos e melhoria na qualidade dos usuários do SUAS.

Palavras-chave


ESTÁGIO CURRICULAR; CENTRO DE REFERÊNCIA EM ASSISTÊNCIA SOCIAL; SERVIÇO SOCIAL; PROGRAMA DE ATENÇÃO INTEGRAL Á FAMÍLIA



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC