A Implantação Do Programa Saúde Na Escola (Pse)

Eduarda Ugioni Sachet, Marina Patrício de Arruda

Resumo


Tendo em vista alguns resultados alcançados com a proposta inicial de 2013 quando buscamos “Conhecer os encaminhamentos para a inclusão de temas relacionados ao PSE no projeto político pedagógico de uma escola( CAIC Nossa Senhora dos Prazeres) situada na cidade de Lages SC”, constatamos o pouco entendimento dos professores e gestora da escola acerca do Programa. Ainda não era claro e a maior dificuldade para sua implantação estava relacionada à falta de participação e de higiene das famílias. Sendo assim, nesta segunda edição estaremos acompanhando as atividades desenvolvidas pelo PSE ao longo do ano de 2014. O Programa Saúde na Escola (PSE), foi instituído em 2007 por Decreto Presidencial nº 6.286, do dia 5 de dezembro, buscando ampliar as ações específicas de saúde aos alunos da rede pública de ensino: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, Educação de Jovens e Adultos (BRASIL, 2008).A proposta de coordenação do PSE é centrada na gestão compartilhada, de modo a atender às necessidades e demandas locais. O PSE trata-se de uma Política intersetorial dos Ministérios da Saúde e da Educação, instituído em 2007. Essas políticas de saúde e educação são voltadas às crianças, adolescentes, jovens e adultos da educação pública brasileira que visam o espaço privilegiado da escola para promover, prevenir questões de saúde e construir uma cultura de paz. Nesse sentido, o PSE é uma estratégia de integração da saúde e educação para o desenvolvimento da cidadania. Os objetivos são acompanhar as atividades desenvolvidas pelo PSE ao longo do ano de 2014 com destaque à participação das famílias e identificar ações educativas voltadas às comunidades carentes a fim de gerar e permitir a incorporação de novos conhecimentos sobre higiene. Trata-se de um estudo exploratório de abordagem qualitativa, que se preocupa com a compreensão abrangente e profunda dos dados obtidos. Caracteriza-se como um estudo de caso. Os dados serão coletados à medida que se efetivar as ações para a implantação do PSE. Espera-se com esse estudo ampliar a discussão sobre a implantação do PSE nas escolas do município de Lages e dar vistas a efetivação da proposta dos Ministérios da Saúde e Educação.

Palavras-chave


Educação;Saúde;Políticas Públicas.



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC