Quem somos nós? Conhecendo a identidade social do bairro

Bruno Hidelbrando Peixer, Geraldo Augusto Locks, Marina Patrício Arruda

Resumo


Introdução: O presente projeto de pesquisa teve por objetivo geral conhecer a identidade social, o contexto, as práticas socioambientais e as expectativas dos moradores da Vila Comboni, Lages SC. Este bairro encontra-se inserido num contexto particular de área pública, de propriedade da Embrapa e posse da Epagri/Estação Experimental de Lages, situado sobre a bacia do rio Canoa e na borda do afloramento do Aqüífero Guarani. Metodologia: Essa experiência se deu por meio de reuniões fundamentadas na estratégia de Educação Permanente (EP), propiciou o desenvolvimento de uma proposta orgânica e participativa permitindo que emergisse das reuniões discussões sobre os problemas próprios ao contexto do bairro como a questão da reciclagem do lixo, o cuidado com a água, com o meio ambiente entre outras. Participaram da pesquisa, 55 moradores do bairro que se dispuseram a participar. O instrumento de coleta de dados contemplou 29 questões que, originaram-se das reflexões feitas com a comunidade. Questões relativas ao número de pessoas que residem na casa, escolaridade, número de filhos e idade, tempo de residência no bairro, origem da família. Ainda, informações a cerca das condições do tratamento do esgoto, coleta e reciclagem do lixo, da água, das atividades de lazer, de transporte e demais necessidades do bairro foram levantadas. A análise quantitativa dos dados foi feita por meio da estatística descritiva, com utilização do Programa SPSS. Resultados e discussões: A média de idade dos participantes deste estudo foi de 45 anos e 5 meses, sendo 73% do sexo feminino. Em relação ao número de pessoas que residem na casa o maior índice foi de 3 moradores, sendo que 58,2% dos entrevistados tem até 2 filhos. Dentre os demais resultados, merecem destaque: os moradores da Vila Comboni na sua maioria: não possuem rede coletora de esgoto; ingerem água diretamente da torneira; reciclam o lixo; procuram outros locais para lazer; desconhecem a existência de área de afloramento do Aquífero Guarani (importante reserva de água subterrânea), no seu bairro. O trabalho realizado junto à comunidade da Vila Comboni colocou a Universidade do Planalto Catarinense – UNIPLAC, numa participação ativa de promoção de cidadania local e frente ao desafio de integrar conhecimento de áreas diversas para a compreensão da complexidade do real.

Palavras-chave


Palavras-chaves: identidade social; práticas socioambientais; qualidade de vida urbana



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC