Psicologia no EMAJ: um trabalho multidisciplinar

Angela Bertotti, Debora Lara Esmelindro Lara Esmelindro, Larissa Lima Jesus, Nayara Júlio Rocha, Tatiane Muniz Barbosa

Resumo


O presente trabalho descreve a experiência de acadêmicas do curso de Psicologia, atuando conforme as diretrizes da Psicologia Comunitária em um projeto de extensão, implementado no Escritório Modelo de Assistência Jurídica – EMAJ – na UNIPLAC. A função do EMAJ é de direcionar suas atividades para a formação dos estagiários de Direito nas atividades profissionais, solucionando as demandas e necessidades dos cidadãos que procuram o referido serviço. Assim, as atividades da Psicologia nesse projeto de extensão se direcionam ao acolhimento, escuta qualificada e orientações às pessoas que buscam auxílio jurídico, mas que também se sentem mobilizadas emocional ou socialmente por alguma situação de sua vida. Portanto, o estagiário de Psicologia precisa reconhecer as demandas sociais existentes no contexto em que o usuário está inserido, sobretudo a vulnerabilidade social, a fim de promover o auto cuidado e a potencialização desse usuário. As atividades realizadas pelas acadêmicas de Psicologia acontecem semanalmente e são: leituras, observações do contexto social do EMAJ e dos usuários, atendimentos individuais ou familiares aos usuários, visitas domiciliares aos usuários do EMAJ e sensibilização dos acadêmicos de Direito para o trabalho interdisciplinar através de informativo temático. Espera-se que a atuação da Psicologia Comunitária no EMAJ seja canal de apoio ao usuário, a fim de potencializar esse sujeito para abrir espaços de reflexão sobre si mesmo, seus pares e seu mundo, com vistas a melhorar a qualidade de vida.

Palavras-chave


Psicologia comunitária, acolhimento, escuta qualificada



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC