ALUNO SURDO NA ESCOLA REGULAR: REFLEXÕES ACERCA DE SEU PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO

Neide Padilha Tomaz Machado, Andreia Pereira, Lurdes Caron

Resumo


A presente pesquisa surgiu por ocasião de discussões sobre a Educação de Surdos na Licenciatura em Educação Especial. Nos dias atuais, com o processo de inclusão, estamos recebendo cada vez mais alunos com alguma deficiencia dentro de nossas escolas. Alguns surdos desenvolvem a língua escrita com êxito e muito próxima dos padrões de um falante nato, esse número, porém é pequeno. Esta pesquisa parte da seguinte questão / problema: como ensinar o aluno surdo a ler e escrever na escola regular sem tomar como base a oralidade ou o princípio do som? Seguiremos diferentes etapas na tentativa de cercarmos o objeto da pesquisa, que é o estudo sobre o aluno surdo na escola regular. Tem por metodologia os seguintes passos: a primeira etapa consiste no levantamento bibliográfico, por meio do estado da arte e pesquisa na biblioteca, com o intuito de vislumbrar as pesquisas e as discussões atuais que perpassam pelos temas na área da surdez. A segunda parte consta de entrevistas semi-estruturada com duas pessoas surdas alfabetizadas e dois professores/pedagogos que lecionam para alunos surdos, de forma alcançar os relatos dos próprios sujeitos do processo de alfabetização.A presente pesquisa tem como objetivos analisar, através do discurso dos sujeitos envolvidos na investigação, como acontece o processo de alfabetização do aluno surdo sem tomar como base o princípio da oralidade como fazem as crianças ouvintes.Levantar referencial bibliográfico acerca do tema proposto a fim de criar suporte teórico necessário;Indagar com sujeitos surdos alfabetizados quais estratégias, procedimentos utilizados por estes no seu processo de aprendizagem e compreensão da escrita e da leitura Língua Portuguesa;Identificar com professores que lecionam para alunos surdos quais as estratégias, recursos mediadores que propiciaram progressos significativos para o ensino-aprendizagem em sala de aula. Para fundamentar a pesquisa, utilizaram-se autores norteando nossas reflexões acerca da deficiência auditiva, dentre os quais se destaca Skliar (1998), Perlin (1998) e Quadros (2006 e 2007). Como o trabalho não está concluído, não há resultados concretos. Entretanto,esperamos contribuir para o conhecimento juntamente com os professores das Unidades Escolares que tem alunos surdos incluídos sobre o processo de

Palavras-chave


Alfabetização.Aluno Surdo.Ensino Regular



REVISTA UNIPLAC
ISSN 2447-2107
EDITORA UNIPLAC | PORTAL DE REVISTAS UNIPLAC
e-mail: propepg@uniplaclages.edu.br | Fone: (49) 3251-1009
Copyright 2012. Editora UNIPLAC